terça-feira, 12 de março de 2013

Xangô Rezado Alto


 

A Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL), realizará no próximo dia 21 mais uma edição do projeto Xangô Rezado Alto. Este ano o projeto, que conta com o apoio da Fundação Municipal de Ação Cultural, iniciará suas ações com um Cortejo Cultural e Religioso, com as casas de matriz africana, em 21 de março, Dia Internacional Contra a Discriminação Racial.




No ano passado, o ano do centenário do 'Quebra', o governador de Alagoas, Teotônio Vilela Filho, assinou um pedido oficial de perdão do Governo de Alagoas às comunidades de terreiros e a todo o povo de Alagoas pelas atrocidades cometidas em 1º de fevereiro de 1912.

Neste ano, mesmo em uma nova data, haverá o Cortejo sairá pelas ruas do Centro de Maceió, bem como as apresentações artísticas em praça pública, mas também haverá ainda o lançamento do edital 2º Prêmio de Incentivo Cultural para Comunidades de Terreiros, além do 1º Encontro da Juventude de Comunidades de Terreiro, que acontecerá em Arapiraca (AL), na sede da UNEAL.
Para o evento do dia 21, haverá o cortejo e também os shows, que neste ano acontecerão na Praça Visconde do Sinimbú, e que terá vários grupos alagoanos e dois convidados de fora, mais especificamente de Pernambuco: o cantor Jorge Riba e o grupo de coco Bongar.

Jorge Riba

Cantor, compositor, músico, arte educador, produtor cultural e principalmente amante do samba e das artes.
Ariano doido de abril 65, recifense da gema nascido bairro da Boa Vista, criado no Morro da Conceição em Casa Amarela e nas praias de Rio Doce em Olinda, filho de Ogum e Yemanjá, mais de vinte anos de carreira artística, dedicados ao desenvolvimento e reconhecimento da cultura afrodescendente no estado de Pernambuco.
Sócio fundador dos primeiros afoxés de recife ainda na década de 70, sendo um dos primeiros compositores de musicas para essas agremiações. Incentivador da criação de diversos blocos afros durante as décadas de 80 e 90, sendo idealizador de um bloco afro que congregava os outros em uma só saída no início dos desfiles do carnaval de 94.

"O patrimônio cultural que herdamos dos nossos ancestrais é a referencia mais profunda da nossa história e da nossa memória. (…) É dentro dessa diversidade cultural que se caracteriza a alma nacional, que podemos afirmar o SAMBA como uma das matrizes fundamentais da musicalidade e da cultura brasileira.”


Bongar


 



O Bongar é composto por seis jovens integrantes do terreiro Xambá do Quilombo do Portão do Gelo, em Olinda. O grupo foi fundado em 2001, com o propósito de levar aos palcos a tradicional festa do Coco da Xambá, que se realiza na comunidade há mais de 40 anos, no dia 29 de junho. O grupo Bongar tem um trabalho voltado para preservação e divulgação da cultura pernambucana. A formação musical dos integrantes tem origem no universo popular, especificamente da comunidade religiosa Xambá. 

O Bongar mostra em suas apresentações toda a musicalidade do Coco da Xambá, uma vertente desse ritmo tão presente no Nordeste do Brasil, além de ciranda, maracatu, candomblé, entre outros ritmos da cultura de raízes. O Bongar também realiza oficinas de percussão e dança popular, confecção de instrumentos, aulas-espetáculos e palestras. O público, através do show do Bongar terá a oportunidade de conhecer, não só a música e a dança deste coco tão peculiar, mas compreender a formação histórica e cultural desta Nação. O Bongar tem uma musicalidade muito forte de diversas influências musicais, vivenciadas nos cultos afro-brasileiros, principalmente da linhagem Xambá. Os integrantes do grupo herdaram toda essa musicalidade desde a infância, ouvindo os mais velhos e aprendendo com eles os toques, as loas e as danças, durante as festas da Casa Xambá.

Programação do Dia 21 de março
 
14h- Concentração na Praça Dom Pedro II (Assembleia)
15h- Saída do cortejo em direção à Praça Visconde de Sinimbú
16h- Chegada à Praça Visconde de Sinimbú
16:30h- Solenidade oficial
Apresentações artísticas
17h- Afoxé Ofá Omim
17:30h- Apresentação artística do Projeto Inaê
18h- Gifá Lomim
18:30h- Coletivo AfroCaeté
19h- Afoxé Odô Iyá
19h- Grupo de Coco Bongar (PE)
20:45h- Acorte de Airá
21:30h- Jorge Riba (PE)

Informações: (82) 3315-7892 / 9971-4281
projetoxango@gmail.com

xangorezadoalto.blogspot.com.br

Fonte
GOOGLE +
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários: