segunda-feira, 31 de outubro de 2011

NOVEMBRO DA CONSCIÊNCIA E CULTURA DE RESISTÊNCIA


“Celebrando o Mês da Consciência Negra em Alagoas”

Coletivo AfroCaeté * Maracatu Nação A Corte de Airá * Quintal Cultural * CEPA Quilombo * Núcleo Cultural da Zona Sul * Afoxé OJu Omin Omorewá * Maracatu Raízes da Tradição (Abassá de Angola de Oyiá Igbalé)

Em novembro estaremos comemorando o Mês da Consciência Negra com diversas atividades. Segue algumas atividades do Coletivo AfroCaeté e da Articulação pela Cultura Popular e Afro-Alagoana.

03/11 (Qui) / Cine Clube Gênios da Raça / Mirante Kátia Assunção-Jacintinho – Exibição do vídeo Garrincha – Alegria do Povo (70 min, 1962, Doc/Dir. Joaquim Andrade). Parceria entre CEPA Quilombo e Filme de Quinta.

 (click para ampliar)

05/11 (Sáb) / Mirante Cultural / Jacintinho – Comemoração do aniversário do Quilombo: Noite, 19 Horas, Mirante Kátia Assunção: Roda Aberta de Capoeira coordenada pelo grupo Águia Negra; Demonstração de combate da Associação Puma De Ferkundô e da Associação De Jet Jutsondô; e Pagode com Amigos de Ramos. E, às 21 Horas, Kizomba na Sede do CEPA-Quilombo.

06/11 (Dom) / Ensaio Aberto e Cortejo / Jaraguá – O Coletivo AfroCaeté fará cortejo pelas ruas de Jaraguá e batucada às 17h, na Praça Rayol (Arthur Ramos). O ensaio contará com a presença de representantes do Maracatu A Corte de Airá. Concentração às 14h, na sede do Coletivo (Rua Barão de Jaraguá, 381).
  

07/11 (Seg) / Coletivo AfroCaeté / UFAL – O AfroCaeté estará fortalecendo os Projetos Vivendo Maracatu (Parceria AfroCaeté/UFAL) e Maracatu no Morro (Parceria AfroCaeté/Maracatu A Corte de Airá/UFAL) na abertura da Semana de Geografia.

(click para ampliar)

10/11 (Qui) / Cine Clube Gênios da Raça / Mirante Kátia Assunção-Jacintinho – Exibição do vídeo Cartola – Música para os olhos (85min, 2006, Doc./Dir. Lírio Ferreira e Hilton Lacerda) Parceria entre CEPA Quilombo e Filme de Quinta.

12/11 (Sáb) / Coletivo AfroCaeté / Jaraguá – Oficina de Dança Afro ministrada pelo Diego (ierum) na sede do Coletivo AfroCaeté.

12/11 (Sáb) / AfroCaeté / Arapiraca – O Coletivo AfroCaeté se apresentará junto com a dança afro da comunidade quilombola de Pau d’Árco.


12 (Sáb) / Quintal Cultural / Bom Parto - Rua Sol Nascente (Próximo ao supermercado Unicompra).

13/11 (Dom) / Ensaio Aberto e Cortejo / Jaraguá – O Coletivo AfroCaeté fará batucada às 15h, na sede do do grupo (Rua Barão de Jaraguá, 381). A atividade contará com a presença de representantes do Maracatu A Corte de Airá.

 

13 (Dom) / Núcleo Cultural da Zona Sul / Vergel do Lago – Tarde, 15h: Atividade Cultural dos grupos que compõem o Núcleo: Orquestra de Tambores de Alagoas, Baianá Flor de Lis, Axé Zumbi/Toré de Índio (Mestre Geraldo), Guerreiros Mensageiros de Padre Cícero e Vencedor Alagoano, cordelista Jorge Calheiros, grupo Airê Iorubá, Maculelê e Roda Aberta de Capoeira da Federação Abadá Capoeira e Legião Capoeira, entre outros.

15/11 (ter) / AfroCaeté / Vilagem Campestre – Ensaio Aberto do Coletivo com o percussionista africano Meki Nzewi (http://mekinzewi.com/Bio), às 9h, no Guesb (Village Campestre).

17/11 (Qui) / Cine Clube Gênios da Raça / Mirante Kátia Assunção-Jacintinho – Exibição do vídeo Isto É Pelé (75 min, 1974, Doc./Dir. Eduardo Escorel e Luiz Carlos Barreto). Parceria entre CEPA Quilombo e Filme de Quinta.
18/11 (Sex) / Maracatu A Corte de Airá / Jaraguá – Cerimônia de Coroação do Maracatu A Corte de Airá na Praça da Igreja Nossa Senha Mãe do Povo.

(click para ampliar) 

19/11 (Sáb) / Maracatu A Corte de Airá / Jaraguá – “Tambores De Xangô Rezado Baixo” na Praça Dois Leões (homenagem aos Sacerdotes e Sacerdotisas perseguido em 1912, Época do Quebra). O Coletivo AfroCaeté e diversos grupos irão se apresentar no evento.

(click para ampliar) 

19/11(Sáb) / Quintal Cultural / Bom Parto - Rua Sol Nascente (Próximo ao supermercado Unicompra).
(click para ampliar)

20/11 (Dom) / Consciência Negra / Serra da Barriga-União dos Palmares (AL) – Na programação o Maracatu Nação a Corte de Airá, a Malungos do Ilê, o Inaê, a Cia. Sururu de Capote e o Coletivo AfroCaeté se apresentarão durante as atividades da Serra. À noite a batucada será no centro da cidade de União dos Palmares.


24/11 (Qui) / Cine Clube Gênios da Raça / Mirante Kátia Assunção-Jacintinho – Exibição do vídeo É Simonal (87 min,1970, Ficção/Dir. Domingos Oliveira). Parceria entre CEPA Quilombo e Filme de Quinta.

25/11 (Sex) / CEPA Quilombo / Jacintinho – Noite, 19h: Roda Aberta de Capoeira coordenada pelo grupo Águia Negra; Maracatu Raízes da Tradição (Abaçá de Angola de Oyá Igbalé); Grupo Airê Iorubá; Dança Afro com os alunos da oficina de dança do Cenarte (Prof. Edu Passos); Monologo Vovó Josefa e Memê (Alunos Daquinta Cultural/Ufal); e o Espetáculo África (Flexeira/AL).

26/11 (Sáb) / Exposição “Festas das Águas”/ Jaraguá – Lançamento da exposição "Festa das Águas", às 21, no espaço de exposição da Rosa Mossoró. Com fotografia de Thiago Biacheti, Juliana Barreto, Christiano Barros e Sandreana Melo retratando a Festa no dia 8 de dezembro na pajuçara. Será exibido o vídeo Eruyá que retrata a Festa de Iemanjá entre os anos de 2006 e 2008. O lançamento contará com a presença de membros do AfroCaeté.

 (click para ampliar)
27/11 (Dom) / Ensaio Aberto e Cortejo / Jaraguá – O Coletivo AfroCaeté fará batucada às 15h, na sede do do grupo (Rua Barão de Jaraguá, 381).

08/12 (Qui) / Festa da Águas / Pajuçara – O AfroCaeté, o Inaê (Guesb), o Maracatu A Corte de Airá, o Airê Iorubá, o Afoxé Oju Omin Omorewá, o Maracatu Raízes da Tradição (Abassa de Angola), o CEPA Quilombo (Performance Capote) e diversos outros grupos irão se apresentar na Festa da Águas, na praia de Pajuçara.
11/12 (Dom) / Oficina de Maracatu / Jaraguá – O Coletivo AfroCaeté realizará oficina de Maracatu, das 14 às 17 horas, na Sede do Coletivo AfroCaeté. Faça download do formulário para Pré-inscrição e envie para afrocaete@gmail.com .
GOOGLE +
←  Anterior Proxima  → Página inicial

1 comentários:

CADU Ávila disse...

Muito Bom Coletivo... É com muita força e vontade que chegaremos no dia 08 de dezembro com muitas vitórias e boas histórias para contar.
Um forte Abraço!
CADU Ávila